Vi no meu telemóvel | 24 Novembro 2017

Vi no meu telemóvel que estamos mesmo mais perto de andar em carros autónomos. Não há dúvidas, e isso tem consequências sérias no trabalho de muitos. Vi robots a fazer saltos, desumanos, no mínimo. E os professores alemães não querem espiões nas aulas, sobretudo usando as próprias crianças. E há música, toda a música, com uma promoção muito jeitosa, para ouvir no telemóvel e não só!

Anúncios Tesla com diferentes visões

Carregamentos rapidíssimos de bateria e muito provavelmente condução autónoma, Lourenço Medeiros, Vi no meu telemóvel, Futuro Hoje
Carregamentos rapidíssimos de bateria e muito provavelmente condução autónoma

Fez-me confusão que todos os títulos se voltassem para o anúncio de Elon Musk de que a Tesla tenciona construir um brinquedo para milionários com 4 rodas, capaz de atingir 400 Km/h. Não faltaram as comparações a dizer que seria melhor que este ou aquele bólide das marcas tradicionais, para quem não sabe o que fazer ao dinheiro. Eu é que não sei para que serve um carro que pode andar a 400Km/h.  Fiquei muito mais interessado no camião elétrico.

Parece-me muito mais interessante porque faz mais sentido se for eficiente e porque acredito também que estes veículos serão dos primeiros a viajar constantemente em modo autónomo. Ainda por cima, quando o anúncio incluía tempos de carregamento das baterias impressionantes e muito acima do que existe mesmo para os Tesla. Até é mais interessante como debate. Vai ter impacto na indústria? Vai levar a despedimentos? Será mesmo exequível um TIR elétrico? Vamos ter “condutores” que não guiam e mudam como as tripulações dos aviões? Ao passo que para mim o outro brinquedo rápido nem polémico é, pura e simplesmente não faz sentido.

24 mil carros que guiam sozinhos

Um dos carros dos testes da Volvo com a Uber, Lourenço Medeiros, Vi no meu telemóvel, Futuro Hoje
Um dos carros dos testes da Volvo com a Uber

É a encomenda que a Uber fez oficialmente à Volvo e que deve começar a ser entregue já em 2019. O acordo assinado é ainda uma declaração de intenções. A Volvo já anda a testar carros autónomos com a Uber em cenários reais ou seja em cidades dos Estados Unidos e pelos vistos a coisa está a correr bem. Eu bem digo que isto vai andar muito depressa… E sempre disse que a intenção da Uber era não ter condutores, a guerra com os taxistas para eles é só uma fase para fazer o que têm planeado. Mas de qualquer forma o mais provável é deixarmos todos de guiar em breve.

Salto mortal invertido

Palavras para quê?, Lourenço Medeiros, Futuro Hoje, Vi no meu telemóvel
Palavras para quê?

Impressionante o último vídeo que para aí anda da Boston Dinamics, é mesmo um robot a fazer um mortal. A empresa com longa histórica na evolução dos movimentos de máquinas autónomas já foi da Google que a vendeu a um gigante da banca japonês.

Relógios proibidos para crianças

Um relógio para crianças com câmara incorporada, Lourenço Medeiros, Futuro Hoje, Vi no meu telemóvel
Um relógio para crianças com câmara incorporada

Os alemães proibiram as crianças de usar relógios ditos “inteligentes”. Não é propriamente que faça mal às crianças mas muitos dos modelos destinados aos mais pequenos têm funções que permitem aos país “escutar” remotamente o ambiente em redor dos filhos. E os pais usavam este sistema para ouvir o que se passa durante aulas, por exemplo. Aquilo que noutros locais é visto como uma medida de segurança na Alemanha viola as rigorosas leis que defendem a privacidade.

Spotify 0.99 €

(Quase) Toda a música do mundo, Lourenço Medeiros, Vi no meu telemóvel, Futuro Hoje
(Quase) Toda a música do mundo

É uma promoção mas a Spotify está a dar três meses de serviço por 99 cêntimos. Uma boa oportunidade de experimentar o serviço pago. Pode deixar a qualquer momento, mas depois dos 3 meses volta tudo ao normal. Cá em casa temos conta familiar.

  • Subscrever Blog via email

    Indique o seu endereço de email para subscrever este site e receber notificações de novos artigos por email.

Deixar uma resposta