O novo Walkman para quem tem tudo

Para usar com fios ou sem fios, com Net ou sem Net, mais pequeno e com Android 9 apenas a imagem no ecrã faz lembrar o Walkman original.

O título devia ser o Walkman para quem tem tudo, bem mais de 40 anos e muito dinheiro para gastar.

O Walkman, o original que foi quase uma revolução para toda uma geração, faz quarenta anos. Graças a máquinas portáteis, muito maiores do que os nossos telemóveis, mas que conseguíamos levar de um lado para o outro, podíamos finalmente transportar música personalizada. Passávamos horas a piratear discos de vinil e cassetes para criar outras cassetes com listas de músicas personalizadas, rigorosamente catalogadas com a sua ordem na fita magnética.

Estas cassetes eram até uma forma de partilhar gostos musicais entre amigos e, mais importante, entre amores novos, verdadeiras declarações, cascatas de canções devidamente registadas na esperança de que o outro ou a outra os interpretasse com tanta emoção como tinham de intenção. Andavam a pilhas, e eram o cúmulo da personalização, cada Walkman era exclusivamente nosso, pelo conteúdo e muitas vezes pela decoração.

Leia AQUI todo o artigo

  • Subscrever Blog via email

    Indique o seu endereço de email para subscrever este site e receber notificações de novos artigos por email.

Deixar uma resposta